sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Programa dos nacionalsocialistas, 11 a 15


Propaganda alemã contra ocupação, circa 1922
Continuamos a análise do texto do programa original do partido nacionalsocialista da Alemanha. Neste fascículo examinamos o significado dos pontos 11 a 15 deste partido socialista, no contexto que resultou em ditadura e guerra. 
Pôster anti-alemão circa 1916
PORTANTO INSTAMOS:

11. Pela abolição de renda senão aquela grangeada pelo trabalho e pelo esforço.

LIVRAMENTO DA ESCRAVIDÃO PELOS JUROS.

12. Considerando os enormes sacrifícios de vidas e pertences que a guerra exige do povo, o enriquecimento pessoal com a guerra deve ser estigmatizado como crime contra o povo.  Logo, insistimos no confisco total dos lucros de guerra.

13. Pela nacionalização das empresas pessoas jurídicas (trustes).

14. Pela participação nos lucros das grandes empresas.

15. Pela ampliação generosa das pensões para idosos.

ANÁLISE: O leitor reconhecerá no Ponto 11 a familiar objeção comunista à renda proveniente de terras, aluguéis, etc. O Ponto 4 nazista é o mesmo que o ponto 8 comunista. No Ponto 12 dos Trabalhistas Nacional Socialistas a objeção não é contra a guerra e sim o enriquecimento da pessoa humana. Já o confisco de lucros e estatização das empresas são copiadas dos pontos 1, 4 e 7 do manifesto comunista, que os socialistas descrevem como da "esquerda". As pensões para idosos estão no ponto 13 da plataforma de 1928 do Socialist Party dos EUA 8 anos depois da divulgação do programa nacionalsocialista alemão. 

Dá ou não dá para desconfiar do sentido dos lacres "esquerda" e "direita"?  

No próximo fascículo veremos os Pontos 16 a 20 desse famigerado partido nacionalsocialista. Não percam...

Não percam esse blog que também responde em www.amigra.us ou os tradutores por trás dos bastidores dos três poderes.
Também com blog americano...